Telefones
15 3228-6757 - 15 3218-1635
Entre as pesquisas desenvolvidas pelo CBB, algumas foram concluídas e são operacionais. Os equipamentos e as tecnologias já disponíveis são:

AG-LET - O Quebra-Vórtices certificado pela Indústria Aeronáutica Neiva S/A.
TURBOAERO - Atomizador Rotativo de Disco para aplicações Aéreas em BVO®.
TURBOTRATOR - Atomizador Rotativo de Disco para aplicações terrestres em BVO® e UBV.
TORRE METEOROLÓGICA - Para monitorar inversão térmica.
DESCONTAMINADOR DE AGROTÓXICOS - Para destruição dos agrotóxicos nos resíduos de lavagem.
COLETOR DINÂMICO DE GOTAS - Para captar gotas abaixo de 80 micrômetros.
SISTEMA BVO® - Sistema de Aplicações Aéreas e Terrestres em Baixo Volume com veículo Oleoso.

O CBB montou um projeto nacional de pesquisas no Sistema BVO®. Devido ao grande interesse das Universidades situadas em regiões agrícolas desenvolvidas e apoia pesquisadores interessados a fim de oferecer assistência técnica e material para o desenvolvimento de pesquisas relacionadas com o sistema BVO®.

Nossa empresa mantém contatos e parcerias com as Universidades e Fundações de: Santa Maria-RS, Passo Fundo-RS, Maringá-PR, Bandeirantes-PR, Dourados-MS, Piracicaba-SP, Paraguaçu Paulista-SP, Jaboticabal-SP, Botucatu-SP, Fundação MS de Dourados (MS) e Fundação MT de Rondonópolis (MT) para o desenvolvimento de um projeto de âmbito nacional com trocas de informações entre os pesquisadores para uniformização e aceleração desses trabalhos.

Criação e Desenvolvimento da Empresa MV Defesa Vegetal.

Com desenvolvimento a nível mundial das Aeronaves Remotamente Pilotadas também chamadas de DRONES e com a sua utilização nas aplicações de produtos agrícolas, decidimos criar uma empresa especializada em Estudos e Treinamentos para a utilização de DRONES na Agricultura, também com sede em Sorocaba/SP. A MV Defesa Vegetal está desenvolvendo equipamentos e tecnologias de aplicação avançadas para o desenvolvimento desta nova forma de aplicação aérea. Com a nossa experiência de meio século em produção e monitoramento de neblinas, pretendemos apoiar o desenvolvimento dos DRONES na Agricultura Familiar Brasileira, que tem hoje mais de 4 milhões de hectares de áreas pequenas, que são as mais adequadas para o tratamento com DRONES.